Casa assombrada (Rio Grande do Sul)

Advertisements
Posted in Uncategorized | Leave a comment

A MALDIÇÃO DA LAGOA DOS BARROS

A LAGOA MALDITA.

Olá, hoje vou relatar uma história que aconteceu comigo a algum tempo.

A história é bem conhecida, trata-se da noiva Maria Luiza assassinada por seu noivo.

Vou fazer  um resumo para quem não conhece a história  e depois explico o por que fui chamado

Resumo:  Na madrugada de 17 para 18 de agosto de 1940, a adolescente Maria Luiza Häussler deixou o baile na tradicional Sociedade Germânia acompanhada do namorado, o impetuoso jovem Heinz Werner Schmeling. Ambos eram apaixonados, mas o romance encontrava resistência da família da jovem. Heinz chegara a ensaiar uma cena no clube após encontrar a namorada conversando com outro rapaz. O jovem Schmeling seria encontrado em um bar no bairro Belém Velho, ferido com um tiro. Maria Luíza não seria mais vista com vida, seu corpo já estava submerso na Lagoa dos Barros, onde só seria encontrado na madrugada do dia 20. O impacto do crime passional envolvendo dois jovens da rica comunidade alemã da cidade ganharia as manchetes por anos.

Aqui começa a verdadeira história de terror.

Maria Luiza era namorada de Heinz Werner João Schmeling, 19 anos. Ele integrava os Mickeys, um grupo de motoqueiros que fazia sucesso pelas ruas do bairro Moinhos de Vento,com suas potentes motos alemãs

Os dois eram decentes de famílias alemãs os pais de Maria Luiza , eram  Erika Dorken e Hermann Haussler eram separados e ambos protestantes .

Maria luiza morava com a mãe morava com mae eo padrasto Arthur Maynard Haybitle

 

..Erika, a mãe da moça, não aprovava o namoro. E no início daquele mês de agosto, Maria Luiza escreveu uma carta para Heinz propondo o rompimento da relação que, para muitos, à época, era considerada bastante íntima. Ela estaria interessada em outro moço. Na noite do dia 17 de agosto, quando foi ao baile de gala de escolha da Rainha dos Estudantes, na Sociedade Germânia, Lisinka dançou com vários rapazes e, a um deles, confidenciou que estava por encerrar o namoro. Heinz então chegou ao baile e, depois de beber alguns uísques, convidou Maria Luiza para conversar. Não causou surpresa que tenham saído juntos, de madrugada. Isso já havia acontecido muitas vezes. Surpreendente foi o dia seguinte, quando nenhum deles  apareceu em suas casas.

Na noite de domingo, preso num botequim do bairro BelémVelho,por porte ilegal do revólver que lhe presenteara o padrasto,Heinz,com um ferimento de bala no peito,foi levado ao Hospital Alemão.

Depois de receber socorro, lá mesmo foi ouvido pela polícia, na segunda-feira. E contou uma história estranha:ele e Lisinka estavam no FordV-8 da sua família e iam em direção a Tramandaí. Ele quis

manter relações sexuais, a moça resistiu, ele a tomou à força e, depois disso,Maria Luiza apanhou o revólver que estava no carro,disparou contra ele e fugiu. No dia seguinte,mudou a versão: após atirar contra ele, Lisinka suicidou-se. Com medo,eleescondeu o corpo da mo- ça na Lagoa, onde só foi encontrado na

madrugada do dia 21. A segunda hipótese foi descartada pela polícia ,com base em análises técnicas,

graças a um“modelar laboratório”recém instalado no Instituto de Identificação. Os investigadores chegaram a quatro conclusões:

“I-Maria Luiza não se suicidou.

II – Ela foi estuprada e assassinada em

Porto Alegre,no morro Mont’Serrat.

III – Heinz Werner João Schmeling foi o autor.

IV-Heinzferiu-se a si próprio”.

Depois do assassinato, Heinz teria transportado o corpo, no Ford V-8, até a Lagoa dos Barros. Amarrou-lhe tijolos, antes de jogá-lo na água.Até hoje, no entanto, há estudiosos que discordam dessas conclusões,muito com base na defesa brilhante de Waldyr Borges, um dos  advogados de Heinz. No texto de 40 páginas, ele reage ao trabalho do perito e refuta, uma a uma, as razões que levaram à condenação de Heinz Schmeling

A condenação de Heinz Werner Schmeling foi ratificada pelo juiz Coriolano Albuquerque, que ampliou a pena (de 10 anos e seis meses) para 12 anos, no dia 29 de março de 1944. Heinz foi libertado em 1946, após cumprir metade da pena

A LENDA

Depois dessa triste história a acima surge a lenda

Local dos avistamentos da mulher de branco  nas cercanias da antiga — e mal-assombrada? — usina Açúcar Gaúcho S/A (Agasa), cuja velha chaminé desativada também pode ser vista da rodovia.

Relato Funcionário ex-funcionário Agasa

 

Agasa funcionou até 1989. Mas o funcionário Milton Nunes, hoje com 64 anos, trabalhou no prédio vazio até 2003, quando se aposentou. Foi nesse período que conheceu O TERROR. Ele era vigia do patrimônio abandonado. Um momento de sua ronda noturna era apavorante. Tratava-se de uma passagem entre os prédios. Quando a percorria, os cabelos ficavam em pé.

— Era ela que estava ali — recorda.

Ela, a noiva. Maria Luísa foi morta pelo noivo há cerca de 70 anos e teve o corpo jogado na lagoa. Desde então, assombra a rodovia nos arredores da Agasa, próximo ao local do crime. As vítimas preferidas são caminhoneiros. Muitos dizem tê-la visto passeando pela freeway, de vestido branco. Uma coisa em comum entre todas aparições que o fantasma sempre está de branco e algumas pessoas dizem que esta vestida de noiva, mas como já e sabido Maria Luiza não era noiva.Grande maioria das vezes que foi visto esse fantasma na beira da estrada foi por caminhoneiros e sempre e a mesma discrição

Bom agora que conhecem a lenda e a história posso lhes dizer por que fui chamado.

Um casal de idosos teve um filho de 21 anos desaparecido, segundo eles o rapaz foi a casa de um amigo e nunca chegou lá.

Você deve estrar pensando, o que isso tem a ver com a história da noiva?

Bom é que segundo este amigo, o rapaz numa destas idas até sua casa que fica à beira da estrada tinha conhecido uma moça e estava se encontrando com ela já havia algum tempo.

Quase todas as noites ele dava um jeito de sair de casa dizendo que ia na casa do amigo ou ia pescar e conforme relado do amigo ele estava se encontrando com esta moça e o nome dela era Maria Luiza, o amigo não sabe dar detalhes apenas que a moça dizia só poder sair à noite escondida dos pais para encontrar o rapaz.

A família em desespero procurou em todos lugares pela moça, mas ninguém a não ser o amigo do filho sabia da existência de tal pessoa, foi então que alguém sugeriu que a tal moça poderia ser a noiva Maria Luiza (a lenda sempre apresentou Maria Luiza como noiva).

Procuraram um pai de santo e vidente local e este disse que realmente o rapaz havia sido levado pela noiva e que seu corpo seria encontrado afogado na lagoa.

É aí que eu entro na história, um amigo ficou sabendo e falou com o casal a meu respeito na época eu estava envolvido com um caso de assombração (eu tinha este interesse na época).

Fui até o casal junto com um grande amigo o Pai B do Bara, escutamos toda a versão da família e fomos conversar com o famoso amigo.

Era um dia de frio e chovia, a beira da lagoa estava com ondas devido ao vento, paramos o carro na frente da casa do rapaz, mas ele não estava segundo o vizinho ele voltaria logo pois nunca saia por muito tempo.

Aproveitei o tempo para ir até uma tenda na beira da estrada comprar uns doces já que aquela região é bem próxima a Santo Antônio da Patrulha terra de doces e cachaça.

Entrei na tenda e senti uma presença conhecida era o Destranca rua, o Pai B do Bara também sentiu  e disse toma uma pinga ai  afinal eu que estou  dirigindo mesmo, não era uma má ideia estava frio mesmo e o destranca na minha volta não era de graça.

Pedi uma pinga conhecida na região como Marisqueira, coisa forte que dá até para fazer fogo.

Tomei, mas antes servi meu amigo Exu, com o famoso gole do santo. Escutei ele dizer, pergunta se tem algo bom pra fumar.

Não entendi bem mas resolvi seguir o conselho do exu.

-O senhor tem algo bom a ia para fumar?

O dono da tenda riu e disse.

-Depende, tenho fumo de rolo, mas se o senhor quiser uma erva ou pó tem na casa ali em frente.

-Agradeço, mas é cigarro que quero o que não quero e ter que ir no carro pegar.

Pedi mais uma pinga. A conversa começava a ficar boa.

Perguntei se ele sabia da história do rapaz que tinha sumido.

-Sim, fiquei sabendo, ele vinha aqui todas as noites tomar um gole, bom rapaz.

 

FIM DA PRIMEIRA PARTE

Posted in Uncategorized | Tagged , , , , , , | Leave a comment

MORRE O ATOR E COMEDIANTE Jerry Lewis

MAIS UMA VEZ O BRUXO ANUNCIA A MORTE DE UM COMEDIANTE.

APÓS  AVISAR  POR VÍDEO A MORTE DO COMEDIANTE CHICO ANÍSIO  6 MESES ANTES  ESTA VEZ ELE AVISOU A DA DESPEDIDA  DO GRANDE JERRY LEWIS.

Posted in Uncategorized | Leave a comment

AMARRAÇÃO EM BAIXA E ALTA MAGIA

Posted in Uncategorized | Tagged , , , , , | Leave a comment

PACTOS

Posted in Uncategorized | Tagged , , , , , , , , , | Leave a comment

ONU CULTUA BELZEBU

Posted in Uncategorized | Leave a comment

PASCOA DO DIABO

Posted in Uncategorized | Leave a comment

PADRE QUE FUNDOU A UMBANDA

Posted in Uncategorized | Leave a comment